Pular para o conteúdo principal

Saíram os editais do Processo Seletivo IFPR 2018 com 3.842 vagas nos cursos técnicos de nível médio e 1.637 nos superiores




Os editais do Processo Seletivo IFPR 2018 foram disponibilizados nesta terça-feira (29). No total, são ofertadas 3.842 vagas nos cursos técnicos de nível médio e 1.637 nos superiores, distribuídas em 24 cidades do estado. A novidade para este ano é a inclusão de 15 novos cursos, sete superiores e oito técnicos de nível médio. As inscrições podem ser realizadas de 01 de setembro a 08 de outubro de 2017. As provas serão aplicadas no dia 19 de novembro. Veja os Editais
Os novos cursos superiores são os de Licenciatura em Química, ofertados nos campi Irati, Pitanga e Cascavel; Tecnologia em Gestão Ambiental, no Campus Paranaguá; Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e Bacharelado em Arquitetura e Urbanismo, em Umuarama; e Engenharia de Controle e Automação, em Jacarezinho.
Os novos cursos técnicos são todos ofertados na forma integrado ao Ensino Médio – um curso integrado é aquele no qual o estudante, a partir de uma única matrícula na instituição, conclui o Ensino Médio juntamente a uma habilitação profissional técnica de nível médio. Esses novos cursos são ofertados nos campi Assis Chateaubriand (Agropecuária e Agricultura); Telêmaco Borba (Programação de Jogos Digitais); Coronel Vivida (Cooperativismo); Barracão (Informática); Foz do Iguaçu (Aquicultura) e Jacarezinho (Eletrotécnica e Mecânica).
Além dos cursos integrados, também há vagas para cursos subsequentes, que são destinados a quem já tem o Ensino Médio completo e busca uma habilitação profissional técnica.
Os cursos do IFPR são gratuitos (não há cobrança de mensalidade) e estão distribuídos em 24 campi, estrategicamente situados em todas as regiões do Paraná. O Instituto conta com um qualificado corpo técnico e docente, fator que, aliado à qualidade e dedicação dos estudantes, tem garantido um elevado nível de Ensino, além de resultados expressivos no que diz respeito à Pesquisa e à Extensão.  

Inscrições

As inscrições para o processo seletivo custam R$ 50 e devem ser efetuadas pela página da Funtef, organizadora do certame.
Poderá ser concedida isenção dessa taxa ao candidato que comprove não poder arcar com tal ônus. Os pedidos de isenção devem ser apresentados de 01 a 18 de setembro de 2017, conforme estabelecem os editais do processo.

Provas

As provas serão aplicadas em uma única fase no dia 19 de novembro, das 14h às 18h. Os candidatos somente poderão realizar a prova na cidade que oferta os cursos para os quais efetuaram a inscrição.
Para os cursos de nível médio, as provas serão aplicadas nas cidades de Assis Chateaubriand, Barracão, Campo Largo, Capanema, Cascavel, Colombo, Coronel Vivida, Curitiba, Foz do Iguaçu, Goioerê, Irati, Ivaiporã, Jacarezinho, Jaguariaíva, Quedas do Iguaçu, Londrina, Palmas, Paranaguá, Paranavaí, Pinhais, Pitanga, Telêmaco Borba, Umuarama e União da Vitória.
Para os superiores, as provas serão em Assis Chateaubriand, Cascavel, Curitiba, Foz do Iguaçu, Irati, Ivaiporã, Jacarezinho, Londrina, Palmas, Paranaguá, Paranavaí, Pitanga, Telêmaco Borba e Umuarama.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sugestões de palavras e expressões para uso em relatórios de alunos

      Escrever não depende de dom, mas de empenho, dedicação, compromisso, seriedade, desejo e crença na possibilidade de ter algo a dizer que vale a pena sobre seu aluno. É importante criticar e sugerir possíveis soluções. Escrever é um procedimento e, como tal, depende de exercitação. E encontrar a melhor maneira de expressar o comportamento de alguém não é fácil, exige muita cautela e perspicácia. Por isso segue sugestões de palavras e expressões para uso em relatórios de alunos. Coloque sempre as intervenções feitas para ações apresentadas, isso ressalta trabalho. SUGESTÕES DE PALAVRAS E EXPRESSÕES PARA USO EM RELATÓRIOS Você pensa Você escreve O aluno não sabe O aluno não adquiriu os conceitos, está em fase de aprendizado. Não tem limites Apresenta dificuldades de auto-regulação, pois… É nervoso Ainda não desenvolveu habilidades para convívio no ambiente escolar, pois

Prefeitura abre Processo Seletivo para diversos cargos na área da educação com salários até R$ 3.144,45

  Aos profissionais admitidos, estes irão desempenhar funções em carga horária de 10 a 40 horas semanais e contarão com salários de R$ 786,17 a R$ 3.144,45 ao mês.  No estado de Santa Catarina, a Prefeitura de Blumenau por meio da Secretaria Municipal de Administração divulgou a realização de um novo Processo Seletivo que tem como objetivo a formação de cadastro reserva de profissionais que tenham nível superior. As oportunidades são para os cargos de Coordenador Pedagógico; Professor de Alemão; Professor de Anos Iniciais; Professor de Arte; Professor de Arte - Bandas e Fanfarras; Professor de Arte - Musicalização Infantil; Professor de Ciências; Professor de Dança; Professor de Educação Especial - Atender estudantes com deficiência; Professor de Educação Especial - Salas Multifuncionais; Professor de Educação Física; Professor de Educação Física - Linguagem do Movimento; Professor de Educação Física - Paradesporto Escolar; Professor de Educação Física - Karatê; Professor de Educaçã

SES - SC anuncia dois Processos Seletivos com salários de R$3.602,14 a R$13.813,5. Saiba Mais

  Os candidatos que conquistarem a aprovação e contratação, deverão exercer carga horária de 20 a 30 horas semanais, e conforme os editais oficiais, receberão remunerações de R$3.602,14 a R$13.813,5 O Governo de de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, anunciou dois Processos Seletivos que visam a contratação de novos profissionais. Conforme os editais oficiais, há vagas para os seguintes cargos: Edital Nº 053/2021:  Enfermeiro - Terapia Intensiva; Terapeuta Ocupacional; Enfermagem do Trabalho; Fisioterapeuta; Enfermeiro - Pós-Graduação em Auditoria; Enfermeiro -  Médico - Infectologia; Médico - Anestesiologia; Médico - Clínica Médica; Médico - Medicina Intensiva; Médico - Pediatria; Médico - Clínico Geral para atuar na Emergência ou Unidade de terapia intensiva; Médico - Urologia; Médico - Clínico Geral para atuar como Regulador. Edital Nº 052/2021:  Fonoaudiólogo; Engenheiro Eletricista; Físico Médico;  Médico - Clínica Médica; Médico - Cirurgia Ginecológica;

CAIXA anuncia 10 mil vagas para Técnicos Bancários, recepcionistas, vigilantes, estagiários e aprendizes. Edital em Setembro! Saiba Mais

   O aumento do número de funcionários se dá num momento em que o banco anuncia uma expansão na quantidade de agências. Serão mais 268 até o fim do ano. A Caixa Econômica Federal anunciou a abertura 10 mil vagas de emprego. Segundo o banco, serão contratados 4 mil empregados, 5,2 mil estagiários e adolescentes aprendizes e 800 recepcionistas e vigilantes. Segundo previsões do banco, edital para novo concurso deve sair até o mês de setembro. OPORTUNIDADES São 6 mil vagas que serão distribuídas entre as funções de estagiários, aprendizes, recepcionistas e vigilantes.  Segundo o banco, o preenchimento das vagas de vigilantes e recepcionistas será feito pela contratação de empresas especializadas em realizar seleções nesses serviços. “A Caixa ressalta que a alocação de serviço de vigilância e recepcionistas ocorrerá em todo o território nacional, variando de acordo com a demanda das unidades”, finaliza a Caixa Econômica Federal, em nota. A contratação de aprendizes ocorre por meio

Entenda a diferença entre CEIs, EMEIs, CEMEI, CEIIs e EMEBS na Educação básica de SP

N a Educação Infantil, as crianças convivem e aprendem em ambientes adequados às suas necessidades e interesses, de acordo com sua faixa etária. Os educadores promovem a convivência e o relacionamento com outras crianças e adultos, desde o primeiro ano de vida, como forma de garantir o direito das crianças a uma educação integral e de boa qualidade social, que respeite as necessidades da pequena infância.  Na cidade de São Paulo, há cinco tipos de unidades públicas destinadas à educação infantil:  – CEIs -  Centros de Educação Infantil e Creches Conveniadas, para crianças de zero a 3 anos e 11 meses;  – EMEIs -  Escolas Municipais de Educação Infantil, que atendem crianças de 4 a 5 anos e 11 meses;  – CEMEI -  Centro Municipal de Educação Infantil, que recebe crianças de zero a 5 anos e 11 meses;  – CEIIs -  Centros de Educação Infantil Indígena, que integram os CECIs - Centros de Educação e Cultura Indígena, e trabalham com crianças de zero a 5 anos e 11 meses; e  – EME