Pular para o conteúdo principal

Governo propõe idade mínima de 60 anos para aposentadoria de professores


A proposta de reforma da Previdência apresentada essa semana pelo governo Jair Bolsonaro quer fixar em 60 anos a idade mínima para professores se aposentarem. Atualmente, as regras previdenciárias não preveem idade mínima para a aposentadoria da categoria.

A proposta também pretende unificar em 30 anos o tempo de contribuição necessário para a aposentadoria de professores e professoras. Até o momento, o tempo de contribuição previsto em lei para os docentes é de 25 anos para mulheres e de 30 anos para homens.

Em entrevista na qual técnicos do governo explicaram nesta quarta-feira a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), o secretário de Previdência do Ministério da Economia, Leonardo Rolin, defendeu que a aposentadoria de categorias especiais não deve diferenciar a questão de gênero.

"A aposentadoria tem regras especiais por conta da atividade em si, e não por conta do gênero. Vários países têm regras especiais para professores, o Brasil não é o único, mas é o único que trata professores e professoras de forma diferente”, enfatizou o secretário.

Aposentadoria de professores

Regra atual

Idade mínima: não há
Tempo de contribuição: 25 anos para mulheres e 30 anos para homens

Regra proposta

Idade mínima: 60 anos para homens e mulheres
Tempo de contribuição: 30 anos para homens e mulheres


Tempo de contribuição

Ainda de acordo com Leonardo Rolin, se a proposta de reforma da Previdência for aprovada, o professor que atingir a idade mínima para se aposentar pelo regime geral – que passará a ser de 62 anos para mulheres e 65 para homens – poderá se aposentar com menos de 30 anos de contribuição. O tempo mínimo de contribuição no regime geral é de 20 anos.

“Ele [professor] pode optar por se aposentar pelas regras do regime geral [com tempo de contribuição de 20 anos], mas aí precisa atingir a idade mínima necessária [62 anos para mulheres e 65 anos para homens]", explicou o secretário de Previdência.

Professores da rede pública

A proposta de reforma da Previdência apresentada pelo governo Bolsonaro também quer alterar as regras de aposentadoria para os professores da rede pública de ensino.

O texto prevê que, além de alcançar idade mínima de 60 anos, para se aposentar os docentes terão que ter 30 anos de contribuição e 10 anos de atuação no serviço público. Também será necessário 5 anos no cargo efetivo.

A regra atual para professores da rede pública de ensino prevê idade mínima de 50 anos para mulheres e 55 anos para homens, com 10 anos de serviço público e 5 anos no cargo efetivo.


Comentários

  1. Ué. Que eu saiba atualmente existe sim idade mínima pra aposentar um professor. Mulheres, 50 e homens 55...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

MAIS VISTAS

Professor é morto por aluno dentro de escola.

Um coordenador de ensino do colégio Estadual Machado de Assis, em Águas Lindas de Goiás, morreu após ser esfaqueado por um aluno de 19 anos, que cursa o 9º ano do ensino fundamental.


O crime ocorreu por volta de 12h30, na saída do colégio. Bruno Pires foi levado para o Hospital Bom Jesus, em Águas Lindas, e transferido para o Hospital Regional de Ceilândia, no Distrito Federal. 

Porém, ao chegar na unidade, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Os professores não sabem o que pode ter motivado a agressão. Segundo a Polícia Civil, a faca utilizada no crime foi deixada no pátio do colégio e já foi apreendida. 

O estudante está foragido. Bruno Pires de Oliveira tinha 41 anos de idade. O principal suspeito do crime é o estudante Anderson da Silva Leite Monteiro, de 19 anos. 
Segundo informações dos alunos, o estudante não teria gostado de ter sido retirado de um grupo do colégio que fazia atividades extraclasses, por ter tirado notas baixas.

Veja mais emhttps://noticias.uol.com.br/cotidiano/ulti…

Inscrições do Processo de Atribuição de Aulas para 2020

Segue abaixo as informações sobre as inscrições do Processo de Atribuição de Aulas para 2020, que foram publicadas no Diário Oficial do Estado:

A Portaria CGRH-04, de 2 de setembro de 2019, que dispõe  sobre as inscrições do Processo Anual de Atribuição de Classes e Aulas para o ano letivo de 2020, está veiculada no Diário Oficial do Estado de 3 de setembro de 2019, nas páginas 32 e 33 da Seção I.

A  Coordenadora  da  Coordenadoria  de  Gestão  de  Recursos  Humanos,  considerando  a  necessidade  de  estabelecer  datas,  prazos e diretrizes para as inscrições no Processo Anual de atribuição de Classes e Aulas de 2020, expede a presente Portaria:

Artigo  1º  -  A  participação  do  docente  no  processo  de  atribuição  de  classes  e  aulas  para  o  ano  de  2020,  incluindo  os  pertencentes à etnia indígena, obedecida à legislação pertinente, estará condicionada à sua inscrição, em que poderá ser solicitado qualquer acerto dentro dos prazos fixados nesta Portaria, que o docente co…

Governo do PR abre Processo Seletivo para Professores. Salário de R$ 37,36

ASecretaria da Educação e do Esporte - SEED, do estado do Paraná, anuncia Processo Seletivo, que contará com Análise de Títulos, destinado á admissão de profissionais que tenham Ensino Superior nas áreas exigidas.

Há oportunidades para os cargos de: 
Professor Pedagogo;
Professor da Educação Profissional;
e Tradutor e Interprete de Língua Brasileira de Sinais - TILS.

O valor da bolsa-auxílio ofertada será de acordo com a quantidade de hora/ relógio, sendo que cada 60 minutos equivale a R$ 37,36.

As inscrições serão realizadas a partir das 09h do dia 20 até às 17h do dia 23 de setembro de 2019, exclusivamente via internet, no endereço eletrônico www.pss.pr.gov.br.

Acesse o Edital AQUI

Este Processo Seletivo terá validade até 31 de dezembro de 2020.

CONCURSO PÚBLICO

A Secretaria de Estado de Educação do Paraná  - SEED PR, confirmou novo concurso para o órgão. Segundo o anunciado pelo Governador Carlos Massa Ratinho Júnior serão 1.000 vagas para professor.

O próximo concurso deverá ser lançado em b…

Prefeitura de São Paulo tem inscrições abertas para Processo Seletivo

A Prefeitura de São Paulo, através da São Paulo Transportadora S.A - SPTrans, junto ao Centro de Integração Empresa Escola - CIEE, torna público Processo Seletivo para diversas vagas destinado à contratação de novos Estagiários de nível Médio; Técnico e Superior.


O valor da bolsa-auxílio ofertada varia de até R$ 802,56, de acordo com a escolaridade, mais auxílio-transporte e vale-refeição no valor de R$ 22,46 por dia estagiado. 

A carga horária a ser cumprida é de seis horas diárias.

Interessados poderão se inscrever até o dia 15 de setembro de 2019, exclusivamente via internet, no endereço eletrônico www.ciee.org.br.

Como método de seleção, será realizada Prova Objetiva, com data prevista de realização para o dia 06 de outubro de 2019.

Acesse o Edital AQUI


Benefícios:
O valor do Auxílio transporte corresponderá a R$ 4,30 por dia estagiado;

O valor de Vale refeição diário corresponderá a R$ 22,46 por dia estagiado.

Este Processo Seletivo terá validade de seis meses, contados da homologação do …