Pular para o conteúdo principal

Novo Fies: inscrições começarão no dia 19 de fevereiro com várias mudanças


O Ministério da Educação (MEC) divulgou o período de inscrição do Novo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies): do dia 19 ao 23 de fevereiro. O programa oferece créditos para estudantes cursarem o ensino superior em universidades privadas.

Para disputar as vagas, os alunos precisam cumprir dois requisitos:

  • ter participado do Enem a partir da edição de 2010 e obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a 0 (zero).
  • possuir renda familiar mensal bruta per capita de: a) até 3 (três) salários mínimos, na modalidade de financiamento do Fies; b) até 5 (cinco) salários mínimos, na modalidade de financiamento do P-Fies.

Inscrição de instituições
As instituições de ensino que queiram oferecer vagas pelo Fies têm até o dia 29 de janeiro para assinar o Termo de Participação. O prazo foi prorrogado na última segunda-feira (22), após publicação no Diário Oficial da União. Antes, o período terminaria em 19 de janeiro, na semana passada.

As mudanças

Fies 1 (sucessor do atual modelo)

Para estudantes com renda familiar de até 3 salários mínimos per capita
Taxa de juros real igual a zero
Acaba a carência de 18 meses após o fim do curso e o estudante terá que começar a pagar assim que se formar
Os recursos virão de um Fundo Garantidor, mantido obrigatoriamente pelas faculdades, que terão de fazer aportes proporcionais à sua taxa de inadimplência. A União está autorizada a colocar até R$ 3 bilhões nesse fundo. O texto-base previa que a União não poderia fazer aportes adicionais, mas esse trecho foi retirado do projeto.

Fies 2 (nova modalidade)

Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita
Taxas de juros usadas para empréstimos dos fundos regionais, hoje na ordem de 2,5% a 3%
Os recursos virão de bancos regionais do Norte, Nordeste e Centro-Oeste e os fundos constitucionais de financiamento dessas regiões. Os empréstimos serão geridos por esses bancos
Os financiamentos só poderão ser concedidos nessas regiões. Objetivo é diminuir as desigualdades regionais.

Fies 3 (nova modalidade)

Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita
Recursos virão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os contratos serão geridos por bancos privados.
Financiamentos poderão ser concedidos para estudantes de todo o país.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Governo lança edital para trabalhar no Enem 2019. Até R$ 342,00 por dia!

Já pensou em trabalhar como Fiscal ENEM 2019 e ganhar um dinheirinho extra com essas provas? O Governo Federal, através do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou o edital com informações sobre a inscrição para trabalhar no Enem 2019.

O Exame Nacional do Ensino Médio ou ENEM é um dos certames mais esperados e concorridos do país. Muitos candidatos, principalmente que está concluindo o Ensino Médio se preparam durante todo o ano para fazer essas provas.

As funções principais de um fiscal de prova do ENEM são basicamente manter a ordem dentro da sala em que essas provas serão aplicadas.

Ter atenção total de todas as ações dos candidatos, assim como manter a responsabilidade de todos os atos são fundamentais para exercer essa função.

Ao exercer essa função no dia da prova é preciso que o fiscal tenha em mente que ele é a única autoridade dentro da sala de aula.


REQUISITOS E REMUNERAÇÃO

Existem algumas exigências obrigatórias para quem quer ser Fi…

Instituto Federal abre concurso para níveis Médio e Superior. Salários de R$ 2.446,96 a R$ 9.600,92

O Instituto Federal Baiano (IFBA) faz saber aos interessados a abertura de novo edital de concurso público para o preenchimento de vagas em cargos de Professor de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico e Técnico-Administrativos em Educação. As oportunidades são para candidatos de ensino médio, médio/técnico e superior.

As oportunidades do Primeiro edital são para as áreas de: Pedagogia, Letras/ Libras; Matemática; Arte; Biologia; Filosofia; Física; Geografia; Química; Administração; Agrimensura; Agroindústria; Agronomia; Informática; Ed. Física; Nutrição; Sociologia e Zootecnia. A carga horária a ser cumprida é de 40 horas semanais e o salário base ofertado varia de R$ 4.463,93 a R$ 9.600,92, já acrescido de Retribuição por Titulação, mais R$ 458,00 de auxílio-alimentação, além de outros benefícios.

O segundo edital tem vagas para Assistente em Administração, Contador, Jornalista, Odontólogo, Pedagogo, Técnico em Assuntos Educacionais, Administrador, Técnico de Laboratório/Biologia, Téc…

Prefeitura de Goiânia abre Processo Seletivo com mais de 460 vagas para todos os níveis de escolaridade.

A Prefeitura de Goiânia, Estado de Goiás anuncia as inscrições do Processo Seletivo com 468 vagas de nível fundamental, médio e superior, para atuação na Secretaria Municipal de Educação e Esporte.

São vagas para Auxiliar de Atividades Educativas (70); Assistente Administrativo Educacional (20); Agente de Apoio Educacional (70); e PE - II nas áreas de Matemática (25), Música/ Instrumento Musical - Trompete (2), Música/ Instrumento Musical - Trombone (2), Música/ Instrumento Musical - Percussão (2), Arte - Música/ Educação Musical (2), Arte- Teatro/ Artes Cênicas (2), Arte - Dança (2), Português (25), História (20), Geografia (20), Ciências (20), Pedagogia (80), Inglês (25), Educação Física (50), Arte- Artes Visuais (10), Interprete de Libras (20) e Professor de Libras (1).

Acesse o Edital AQUI

Os contratados cumprirão carga horária de 30h semanais, exceto o cargo de PE - II que vai de 30 a 60 horas-aula semanais. A remuneração varia de R$ 961,72 a R$ 2.298,47.

As inscrições devem ser r…

CURTA NOSSA PÁGINA !!!